Assombro, o teatro dos horrores de Chuck Palahniuk

17:35

Haunted | Chuck Palahniuk | 387 páginas | Rocco | no skoob 

Tenho uma história engraçada com Assombro. Eu sempre via esse livro na Casa de Leitura Dário Vellozo, mas ainda não conhecia o Chuck e ia deixando pra lá. Quando pesquisei no skoob fiquei intrigadíssima. Reza a lenda que 73 pessoas desmaiaram enquanto Chuck lia "Tripas", o primeiro conto do livro, em suas turnês. Bastou isso para eu ir correndo ler o conto aqui pela net. Nojento, engraçado e amoral define.

No dia seguinte fui até a minha casa de leitura favorita pegar o livro e ele não estava lá. Duas semanas depois voltei e... ele ainda não estava lá!! Desesperada, deixei o livro reservado e roguei uma praga a você que não devolveu o livro no prazo certo. Uma semana mais tarde enviei um e-mail impaciente pra saber se o dito cujo tomara vergonha na cara. E acredita, que eles me responderam dizendo que o livro acabara de chegar JUNTO com o meu e-mail? Moral da história: NÃO brinque com a tia Brunela e NÃO fique mais tempo do que deveria com livros de bibliotecas. Ou você terá uma dor de consciência horrível e terá que devolvê-lo imediatamente com uma terrível dor de barriga.

Mas falando do livro... toda a minha expectativa não foi em vão. Nesse romance, constituído de contos e poemas que apresentam os personagens, várias pessoas aceitam ficar trancadas por três meses a fim de escrever sua obra prima. A cada poema e conto conhecemos fatos obscuros sobre essas pessoas, mas acredite, por pior que sejam, a maior parte desses fatos poderia estar no jornal da manhã.

A sacada é que em vez de focarem em escrever sem problemas, todos têm a bela ideia de transformar essa estadia em uma história de horror em que sairiam vítimas. Eles até elegem seus carrascos. A vítima em pior estado, claro, ganhará mais dinheiro e é aí que começa a autossabotagem. Máquinas de lavar e trancas de portas são quebradas, pacotes de comida descem pela descarga entupindo-as, orelhas, dedos e narizes são mutilados... Eles fazem de TUDO para garantir a maior desgraça de suas vidas.

É aí que está uma das verdades inconvenientes reveladas no livro: todo mundo gosta de sofrer. Todo mundo sabota a si mesmo pelo menos uma vez na vida para receber algo em troca, nem que seja compaixão. Nem que seja para te deixarem em paz. Nós gostamos da infelicidade, só não gostamos de admitir. Pense no teatro em que as pessoas estão como o mundo em menor escala e aí você entenderá. É um dog eat dog do caralho. E você é seu pior inimigo. É difícil aceitar, né?

O maior romance anti-hipocrisia que eu já conheci, esse é Assombro. Pesado, com todo tipo de bizarrice, muito humor negro, sangue e mutilação não é um livro para os fracos, #ficaadica. Eu não ficava enjoada com um livro desde a minha primeira leitura de Laranja Mecânica. Entretanto, valeu a pena a leitura. É o Chuck, com todo seu estilo, sambando de salto agulha na cara da sociedade, e isso inclui você, leitor.

Como alertou uma de suas capas pelo mundo: leia por sua conta em risco. Aliás, você pode ter uma amostra e ler o conto Tripas clicando aqui.

Você vai gostar destes:

8 comentários

  1. Respostas
    1. pena que aqui não tem opção curtir hauhau

      Excluir
  2. Oi, Bru!
    Adorei a sua resenha.
    Não conhecia o livro, mas fiquei bem curiosa em relação a ele, apesar de achar que não tenho estômago para lê-lo.
    A sua espontaneidade na resenha foi a melhor coisa. rs
    Um dia, quem sabe, eu o leia.
    Beijos.
    Gabi.

    http://livrosemeninas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Gabi! ^-^
      Esses dias só colocando tudo que vem à cabeça pra sair uma "resenha". Não tá dando pra polir muito como antigamente não, huahua.
      Realmente é um livro forte, mas se um dia vc tiver vontade de ler não estará desavisada, haha.
      Beijos!

      Excluir
  3. maldição pequena Bruna, esse livro sumiu, pelo menos em Curitiba não existe mais, kkk fiquei tão triste com isso, vou caça-ló pela internet... Já leu o Estrangeiro de Camus? muito bom :)
    fique em paz!
    Vinicius Brasil :)

    ResponderExcluir
  4. Oi Bru, eu revirei minha cidade de ponta cabeça até encontrar este livro, quando consegui compra-lo quase soltei fogos! O livro é tudo que você disse! Mas... A única coisa que não entendi foi.. "Por que tantas pessoas assim criaram certa repulsa pelo livro?" era só eu comentar com alguém sobre o livro e a pessoa já soltava um "Eca.." eu particularmente o achei genial e já o li umas 3 vezes, a narrativa dele prende! Não tem descrição!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que iiiiisso, jovem Anônimo? Onde é que cê mora? Vou aí comprar um exemplar! D: heuhue esse livro tá esgotado, ainda não achei aqui nem em sebo!
      É, esse livro realmente é genial, haha! Tou querendo ler de novo também.
      E é curioso isso né, porque acontece muita coisa bizarra na história, mas chega a ser engraçado até, não consigo entender como alguém pode não gostar de um livro do Palahniuk... Mas gosto é gosto, né? :/ Gente que não aguenta uns tapas literários na cara. É o caso do "se não aguenta, bebe leite" HEUHEUHEU

      Excluir
    2. Acho que.. A maioria dessas gentes deve ter lido apenas 'tripas' e achado Chuck um autor meio nojento. Depois que li esse conto tive a necessidade de ir procurar o livro, e só consegui comprar ele online. A verdade é que, eu vi muitos comentários de pessoas que apenas tinham assistido ao filme 'clube da luta' e achado Palahniuk um gênio, com certo toque neo-anarquista com vontade de foder com a sociedade, então quando leram 'tripas' começaram a achar o cara um nojento que só queria chamar atenção. Só que essas pessoas nem se preocuparam em saber sobre o que se tratava livro verdadeiramente, apenas tiveram essa necessidade de criticar e criticar. É triste :c

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Translate

Arquivo