[Resenha] Em Chamas, Suzanne Collins

12:24


Catching Fire / Suzanne Collins / 413 páginas
"E as outras famílias, Katniss? As que não podem fugir? Você não? Não pode mais ser apenas sobre nos salvar. Não se a rebelião começou. " Gale

Depois de ler Jogos Vorazes, não gostar e ainda falar muito mal, teimei um dia em ler Em Chamas. Sem querer ofender, estava de mudança, sem paciência e não queria arrumar sarna pra me coçar com um Saramago da vida, queria algo mais leve. Catei então Em Chamas no e-reader.

Qual não foi minha surpresa quando comecei a gostar da história...




O segundo livro da saga Jogos Vorazes é mais inteligente e mais distópico, se assemelhando mais - dessa vez de uma maneira bem positiva - das distopias clássicas. Não que mandar um bando de jovenzinhos que não têm nada a ver com uma rebelião que aconteceu não sei quando pra lutarem até a morte não seja distópico, não é isso que eu tou dizendo, hein! É que agora fora dos Jogos nós podemos conhecer mais a fundo a situação da população tanto do distrito de Katniss quanto dos outros distritos dando um tour por Panem.

Além disso, conhecemos melhor a crueldade do Presidente Snow. E eu adorava toda vez que ele e Katniss se encontravam, muahaha. A guria deixou-o em mals lençóis por sua audácia e agora só ela pode parar isso. Mas como? O jeito vai ser viver sua vida de um jeito que ela nunca quis, dançando conforme a música tocada pelo presidente maldito. Só assim ela poderá proteger o povo de Panem de terríveis guerras e manter tudo como está. Por outro lado, o que Katniss demora e teme em perceber, ela trouxe esperança para o povo, uma promessa de que é possível.

"Quando os pacificadores vão silenciar a multidão, ela fica firme em vez de recuar. E eu sei que não há nada que eu poderia fazer que mudaria isso." Katniss

Também tem o triângulo Peeta-Katniss-Gale, mas nesse livro apesar de estar presente não é meloso e fica mais como plano de fundo (meus neurônios vão ao delírio). Como eu disse, o livro é mais inteligente e várias vezes os machinhos deixam de lado a rivalidade para sobreviverem.

E claro, tem a carta na manga de Presidente Snow que faz tudo ficar muito pior (ou melhor, depende do ponto de vista). Algo que quem não leu spoilers ou a sinopse do terceiro livro jamais poderia imaginar. Ou sim, devo admitir que tem gente muito mais esperta que eu, só que eu não podia imaginar... (spoiler) e dessa vez os Jogos também são bem mais inteligentes (spoiler).

Enfim, o negócio pega fogo mesmo - às vezes literalmente - e eu, que não gostei do primeiro livro, estou aguardando a oportunidade de ler o terceiro e último, amém.

                                                                

Você vai gostar destes:

0 comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Translate

Arquivo